A FORÇA DA CIDADANIA:   POR FARO, ALGARVE E PORTUGAL

- DEMOLIÇÕES: CÂMARA NÃO CONTESTOU PLANO ENVIADO PELO GOVERNO.

- "SALVAR FARO"  ESTÁ SOLIDÁRIA COM A REVOLTA DAS PESSOAS E DENUNCIA A INTOLERÁVEL DESLEALDADE DA CÂMARA PARA COM AS POPULAÇÕES.

 

São dolorosas as desumanas injustiças que diariamente vêm a público (e outras), em que muitas pessoas com edificações nas Ilhas Barreira e sem espaços alternativos para viver ou desenvolverem  atividades piscatórias são confrontados com demolições, o que merece da Aliança "Salvar Faro" total solidariedade.

Tudo isto perante a inaceitável conduta política do Presidente da Câmara e Vereadores dos vários partidos, ao não contestarem o plano/programa de demolições que lhes foi comunicado pelo Governo, ao mesmo tempo que a autarquia abandona as pessoas às suas desgraças.

De facto, em ofício de dezembro, o gabinete da Ministro do Ambiente informou o Presidente da Câmara ( que deu conhecimento a todos os Vereadores e Presidente da Assembleia Municipal) sobre os processos de demolições nos Núcleos da Culatra, Hangares e Farol e na Península do Ancão( Ilha de Faro).

Perante o conteúdo do ofício, exigia-se uma reação de forte repúdio dos órgãos autárquicos e com contrapropostas mas, em vez disso, num ato politicamente escandaloso e de deslealdade para com as populações, meteram o ofício na gaveta e ficaram calados numa atitude de consentimento.

Perante tudo o que de muito grave se está a passar, a transparência obrigava a que se tornasse público o assunto, depois de  na Sessão da Assembleia do final de dezembro o Grupo Municipal CFC / SF ter deixado expresso o protesto por o documento não ter sido agendado para debate e rejeição em vários aspetos.

Pelas pessoas e milhões que querem gastar, as demolições são um disparate do radicalismo, quando o que se deve é requalificar os espaços, dinamizar  as atividades piscatórias e definir as condições para uso do solo. Todos os radicalismos e fundamentalismos são penosos e condenáveis!

Cumprimentos

13.1.2015

Comissão Executiva da Aliança Cívica "Salvar Faro, com Coração"